Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Justiça mantém prisão de ex-assessor especial de Cabral

Decisão acaba de sair

Por Ernesto Neves Atualizado em 24 Maio 2017, 17h59 - Publicado em 24 Maio 2017, 17h45

A 1ª Turma do Tribunal Regional Federal da 2ª Região manteve, por unanimidade, a prisão preventiva de Ary Filho, ex-assessor especial de Sérgio Cabral.

De acordo com as investigações da Operação Mascate, Ary Filho era responsável pela ocultação de valores obtidos de forma ilícita por meio da compra de imóveis e automóveis de luxo.

Conforme apurou o MPF a partir da colaboração premiada do proprietário de uma rede de concessionárias de veículos, o ex-assessor mantinha bens em nome de suas empresas buscando ocultar a sua real propriedade.

Ary Filho também era responsável por buscar pessoas e empresas dispostas a celebrar contratos fictícios para lavagem de grandes valores.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade