Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Justiça determina 15 dias para Mamãe Falei explicar fala contra deputados

O deputado afirmou que há rachadinhas de outros gabinetes na Assembleia Legislativa de São Paulo

Por Pedro Carvalho - Atualizado em 11 fev 2020, 18h58 - Publicado em 11 fev 2020, 17h29

O desembargador Geraldo Wohlers, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), determinou prazo de 15 dias para que o deputado Arthur “Mamãe Falei” do Val apresente explicações ao Judiciário sobre suas acusações de que, na Assembleia Legislativa (Alesp), “tem rachadinhas para todos os lados e nepotismo cruzado adoidado”.

A decisão do TJ-SP atende a uma ação do deputado Campos Machado, líder estadual do PTB e membro do Conselho de Ética da Alesp.

“Se ele diz ter tantas provas assim, por que já não as apresentou ao Conselho de Ética? Por que não procurou o Ministério Público? Ele é fanfarrão e dissimulado”, alfinetou Campos.

Publicidade