Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Conteúdo para assinantes

Justiça autoriza Lúcio Funaro a progredir ao semiaberto

Colaborador terá de respeitar o recolhimento nos sábados, domingos, feriados e, durante a semana, de 22h as 6h

Por Robson Bonin Atualizado em 28 jun 2019, 09h26 - Publicado em 28 jun 2019, 09h20
O juiz Vallisney de Souza Oliveira autorizou ontem que o delator Lúcio Funaro passe a cumprir pena no regime semiaberto. Lúcio terá que seguir o esquema já conhecido: recolhimento nos sábados, domingos, feriados e, durante a semana, de 22h as 6h.
A cada seis meses, Funaro terá direito a passar três dias em local diferente do endereço especificado para o cumprimento do recolhimento.
Ele terá de fazer relatórios trimestrais à Justiça sobre sua atividade profissional, além de cumprir sete horas semanais de serviço comunitário.
Publicidade