Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

JBS pagou valores ‘por fora’ a Pezão em troca de fábrica à Vigor

Barganha

Por Mauricio Lima, Gabriel Mascarenhas Atualizado em 28 abr 2018, 12h04 - Publicado em 28 abr 2018, 10h00

A JBS foi a principal doadora de campanha, tanto “dentro” como “por fora” à campanha de Luiz Fernando Pezão. É o que diz o delator Hudson Braga.

Os valores ilícitos foi arrecadado por meio de um supermercado indicado por Ricardo Saud na Zona Norte do Rio de Janeiro.

reprodução/Reprodução

Em 2014, logo após um evento da agência Prole, de Rnato Pereira, Braga, Cabral e Pezão se encontraram com Saud no saguão do hotel Sheraton. Lá definiram que os valores doados à campanha ficaria entre R$ 20 e 25 milhões.

Outro lado: Através de sua assessoria, Luiz Fernando Pezão nega ter pedido recursos a Ricardo Saud.

reprodução/Reprodução
Continua após a publicidade
Publicidade