Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Investidores internacionais somem da agenda do governo Bolsonaro

Com 280 bilhões de reais em projetos de concessões na vitrine, balcão do governo vive seu momento de menor procura, dizem assessores

Por Robson Bonin Atualizado em 1 mar 2021, 14h03 - Publicado em 2 mar 2021, 07h29

Constatação de um importante auxiliar do Planalto que conhece o andar da política de concessões no governo. A agenda de conversas para apresentação de projetos a grandes investidores internacionais minguou.

Nas últimas semanas, Rogério Marinho até teve contatos com árabes para tratar das oportunidades na sua área de saneamento, mas outros balcões conhecidos e movimentados do governo, como o ministério de Tarcísio de Freitas, a coisa anda bem mais calma.

A postura intervencionista de Jair Bolsonaro a instabilidade na base do governo, que vira e mexe ataca a democracia, não ajudam a mudar esse cenário.

Publicidade