Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Interesse no leilão de terminais do Porto de Santos surpreende o governo

Espaços receberão investimentos de 420 milhões de reais, incluindo acessos rodoferroviários; contrato de concessão valerá por 25 anos

Por Robson Bonin Atualizado em 25 ago 2020, 17h20 - Publicado em 25 ago 2020, 16h45

O interesse dos investidores pelo leilão de dois terminais (STS14 e STS14A) de celulose no Porto de Santos, marcado para sexta-feira, surpreendeu a área técnica do governo.

Se nada mudar, cada um dos terminais deve ter pelo menos três companhias na disputa de lances pela outorga.

O leilão será realizado pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários. A previsão é de que os dois terminais recebam 420 milhões de reais em investimentos, incluindo acessos rodoferroviários, ao longo dos 25 anos do contrato de concessão.

Os acessos ferroviários que serão construídos em Santos vão permitir a integração com as linhas da Rumo Malha Paulista e da Ferrovia Norte-Sul.

Continua após a publicidade
Publicidade