Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Indústria de transformação sofreu mais com crise, diz CNI

A crise econômica prejudicou mais os investimentos da indústria de transformação que os das empresas do setor de extração, como as mineradoras. Com a produção voltada especialmente para o mercado doméstico, a indústria de transformação adiou ou suspendeu 12% dos investimentos previstos para 2015. Na indústria extrativa, mais voltada para as exportações, esse percentual foi […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 23h25 - Publicado em 29 fev 2016, 11h01
Indústria e os efeitos da crise

Indústria e os efeitos da crise

A crise econômica prejudicou mais os investimentos da indústria de transformação que os das empresas do setor de extração, como as mineradoras.

Com a produção voltada especialmente para o mercado doméstico, a indústria de transformação adiou ou suspendeu 12% dos investimentos previstos para 2015. Na indústria extrativa, mais voltada para as exportações, esse percentual foi de 6%.

Os dados são da pesquisa anual Investimentos na Indústria,  feita pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) com 860 empresas de grande porte.

O dinamismo do mercado externo e a retração do consumo interno também são responsáveis pelas diferenças no perfil dos investimentos dos dois setores.

O principal objetivo dos investimentos da indústria extrativa, assinalado por 44% das empresas, foi a manutenção da capacidade produtiva. Na indústria de transformação, que precisou reduzir custos para enfrentar a concorrência, os investimentos, segundo 40% das empresas, se concentraram na melhoria dos processos produtivos.

Continua após a publicidade
Publicidade