Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Governo lança Pró-Brasil semana que vem, com 454 projetos — veja detalhes

Cerimônia deve ocorrer no próximo dia 25, em grande evento

Por Evandro Éboli - Atualizado em 19 ago 2020, 17h19 - Publicado em 19 ago 2020, 15h27

Dia cheio de reuniões no Palácio do Planalto nesta quarta para costurar o pacote do Pró-Brasil. Praticamente fechada a data do lançamento: dia 25, próxima terça, à tarde. Em grande estilo. Com a Esplanada em peso lá. E muitos convidados.

Definido o número de projetos nos ministérios que vão compor o programa: 454.

Os investimento serão em 5 áreas: infraestrutura, ambiente de negócios, sustentabilidade ambiental, inclusão social e transformação do estado.

ASSINE VEJA

A encruzilhada econômica de Bolsonaro Na edição da semana: os riscos da estratégia de gastar muito para impulsionar a economia. E mais: pesquisa exclusiva revela que o brasileiro é, sim, racista
Clique e Assine

Projetos de vários ministérios, em especial e com destaque para Infraestrutura e Desenvolvimento Regional.

Confirmado que serão dois eixos, batizados de “Ordem”, um deles, e “Progresso”, o outro.

O programa “Renda Brasil”, que irá substituir o Bolsa Família, será mesmo via uma proposta de emenda à Constituição (PEC). Pode ou não ser apresentada no dia do lançamento do Pró-Brasil, semana que vem.

Preocupações que devem contar com campanha de informação: é “fake news” que acabou o Bolsa Família; e que o Pró-Brasil não se trata de um “novo PAC”.

Continua após a publicidade
Publicidade