Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Globo rompe contrato de transmissão do Campeonato Carioca

Decisão foi tomada após quebra da exclusividade da transmissão pelo Flamengo

Por Mariana Muniz Atualizado em 2 jul 2020, 14h12 - Publicado em 2 jul 2020, 12h59

Na esteira da disputa entre a Globo e o Flamengo pela transmissão dos jogos do Campeonato Carioca, a emissora carioca decidiu rescindir o contrato de transmissão de todas as partidas da competição. A decisão foi tomada após a quebra da exclusividade prevista no compromisso assinado com 11 clubes que disputam a competição e a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj). 

“A despeito dos esforços da Globo, na data de ontem, o Clube de Regatas do Flamengo realizou a transmissão do jogo Flamengo x Boavista, sendo o Boavista um clube cedente e aderente ao Contrato. Registre-se que, nos termos do art. 136 do Regulamento Geral das Competições da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro, somente a FERJ pode autorizar a transmissão das partidas do campeonato carioca, o que significa que V.Sas. autorizaram a transmissão do jogo, apesar de devidamente notificados da ilicitude dessa conduta”, diz o comunicado da Globo à Federação.

No documento, a rede de televisão afirma que “embora esteja encerrada a relação contratual”, o que, “obviamente, significa que não haverá mais nenhuma transmissão de jogos”, está “disposta a realizar” os pagamentos restantes desta temporada.

Apesar dos apelos judiciais da Globo, como o Radar mostrou, o Flamengo exibiu a partida contra o Boavista em seu canal no YouTube. A decisão do clube da Gávea aconteceu após o presidente Jair Bolsonaro ter editado uma Medida Provisória flexibilizando os direitos de transmissão dos jogos — que passaram a ser do mandante da partida.

Continua após a publicidade
Publicidade