Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Gilmar: ‘Nossas instituições devem ser honradas’

Ministro do STF reagiu à convocação de Bolsonaro para ato contra o Congresso

Por Mariana Muniz Atualizado em 26 fev 2020, 13h27 - Publicado em 26 fev 2020, 11h04

Após o apoio de Jair Bolsonaro às manifestações de 15 de março contra o Congresso, o ministro do STF Gilmar Mendes disse que as instituições precisam ser preservadas e protegidas.

“A harmonia e o respeito mútuo entre os Poderes são pilares do Estado de Direito, independemente dos governantes de hoje ou de amanhã. Nossas instituições devem ser honradas por aqueles aos quais incumbe guardá-las”, escreveu Gilmar em sua conta no Twitter.

O ministro do Supremo – uma das instituições da República constantemente atacada por apoiadores do presidente – também lembrou que a Constituição de 1988 garantiu o “maior período de estabilidade democrática” já vivido no país.

Na terça-feira, Bolsonaro divulgou dois vídeos convocando seus apoiadores para as manifestações de apoio ao seu governo. Em um deles, ele é classificado como “cristão, patriota, capaz, justo e incorruptível”. “Por que esperar pelo futuro se não tomarmos de volta o nosso Brasil?”, diz a abertura do vídeo.

Continua após a publicidade
Publicidade