Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Fora da política

O estilista carioca Carlos Tufvesson foi mais uma vez incentivado a entrar na política, mas declinou desta vez a um convite do PSD do Rio de Janeiro. No ano passado, estava tudo certo para a sua candidatura a vereador pelo PMDB do Rio de Janeiro, mas Tufvesson desistiu em cima da hora. Na ocasião, o estilista, […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 05h11 - Publicado em 14 out 2013, 14h24
Estilista e o companheiro Andre Piva

Estilista e o companheiro Andre Piva

O estilista carioca Carlos Tufvesson foi mais uma vez incentivado a entrar na política, mas declinou desta vez a um convite do PSD do Rio de Janeiro.

No ano passado, estava tudo certo para a sua candidatura a vereador pelo PMDB do Rio de Janeiro, mas Tufvesson desistiu em cima da hora.

Na ocasião, o estilista, atualmente secretario de Eduardo Paes, ficou apavorado ao receber dinheiro vivo do PMDB na sua casa para tocar a campanha de vereador. Desde então, Tufvesson foge da política.

(Atualização às 19h24: Carlos Tufvesson entrou em contato e informou que não procede a informação de que recebeu dinheiro do PMDB para a campanha que acabou não ocorrendo em 2012. O Radar mantém a informação publicada) 

Continua após a publicidade
Publicidade