Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Conteúdo para assinantes

Floriano ganha ao assumir missão pessoal de Bolsonaro

General vai enfrentar terreno hostil nos Correios

Por Robson Bonin - 21 jun 2019, 12h43
Ao assumir a missão de enfrentar o território hostil dos Correios para levar adiante o projeto de privatização da empresa, defendido por Jair Bolsonaro, o general Floriano Peixoto aparentemente perdeu poder no governo. Aparentemente.
Na avaliação de uma fonte graduada do Planalto, Floriano deixou a Secretaria-Geral da Presidência, mas ganhou vários pontos com o presidente. Se for bem sucedido na empreitada, deve sair ainda mais forte no governo.
Publicidade