Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Feliciano versus psicólogos

Marco Felicianosegue firme com sua obsessão em aprovar o projeto da “Cura Gay”. Hoje, porém, mais uma vez, não teve sucesso: o tempo regimental da sessão se esgotou antes que a proposta fosse votada. Obviamente, isso não impediu Feliciano de dar vazão à sua inesgotável ânsia de aparecer. O alvo da vez foram os psicólogos. […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 06h03 - Publicado em 11 jun 2013, 18h01

Contra a resolução

Marco Felicianosegue firme com sua obsessão em aprovar o projeto da “Cura Gay”. Hoje, porém, mais uma vez, não teve sucesso: o tempo regimental da sessão se esgotou antes que a proposta fosse votada.

Obviamente, isso não impediu Feliciano de dar vazão à sua inesgotável ânsia de aparecer. O alvo da vez foram os psicólogos.

Uma resolução do Conselho Federal da categoria impede profissionais da área de tratar homossexualidade como patologia.

A turma contrária ao projeto vem batendo nessa tecla para tentar derrubá-lo. Já Feliciano deu o seguinte recado aos psicólogos:

– O psicólogo brasileiro deve se achar mais especial do que qualquer outro psicólogo no mundo. O conselho da categoria do Brasil é o único que tem uma resolução como essa.

(Atualização às 20h48: Feliciano entrou em contato e informou que não tem nada contra os psicólogos brasileiros, apenas é contra a resolução do Conselho. Também disse que quer colocar o projeto em votação porque é o único da comissão que está com relatório pronto)

Continua após a publicidade

Publicidade