Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Exército gasta milhões para organizar evento com Bolsonaro na pandemia

Licitação prevê gastos de até 3 milhões de reais para locação de estruturas de 'camarotes' de convidados, drones e painéis full HD

Por Hugo Marques 6 Maio 2020, 10h36

O Exército vai gastar cerca de 3 milhões de reais com montagem de palanques para eventos em frente ao Quartel General em Brasília. Em plena pandemia de coronavírus, que já infectou 1.740 pessoas no Distrito Federal e matou 33 pessoas, o Exército manteve o calendário anual de eventos.

Estão previstas locações de pelo menos três camarotes, cada um com capacidade de 100 pessoas. Somente com filmagem feita por drones com câmeras full HD, o Exército vai gastar 229.000 reais. Um dos itens mais caros da licitação é a contratação de 84 painéis de led de alta definição, de 56 metros quadrados, por 1,2 milhão de reais.

O Exército também vai locar mobiliário decorativo, incluindo cadeiras coloniais modelo Luiz XV, tapetes persas, mesas para café e sala para banheiros químicos. Segundo o Exército, um dos eventos previstos é o Dia do Soldado, 25 de agosto, que deverá contar com a presença de Jair Bolsonaro.

Publicidade