Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

EXCLUSIVO: Militar da mala de cocaína voou com Bolsonaro em fevereiro

Militar faz parte do Comando da Aeronáutica e, segundo o Planalto, não trabalhava na equipe presidencial

Fontes do Palácio do Planalto informaram o Radar que o segundo sargento Silva Rodrigues, preso com a mala de cocaína na Espanha (leia mais em Quem é o homem da mala), não integrava a equipe presidencial de Jair Bolsonaro na viagem ao Japão.

O militar é, de fato, vinculado ao Comando da Aeronáutica, com salário de 7 200 reais, e viajou com presidente pelo menos uma vez. Foi em fevereiro, quando Bolsonaro deixou Brasília para fazer exames de saúde em São Paulo.

 (Reprodução/Divulgação)


Conheça o podcast Funcionário da Semana:

Na edição da semana do podcast de VEJA, conheça a história de Janaína Paschoal, a ombudsman do PSL. Ouça:

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. FLAVIO CHAMMAS

    Qual é a ilação que vc quer fazer?

    Curtir

  2. Paulo Bandarra

    Tripulante desde 2011 não sabia que as coisas tinham mudado. O governo mudou.

    Curtir