Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Empresa de envolvido na ‘farra dos guardanapos’ ganha contrato no Rio

Milano, de Marco Antônio de Luca, irá fornecer cestas básicas para a Polícia Militar

Por Mariana Muniz - Atualizado em 16 jul 2020, 10h03 - Publicado em 14 jul 2020, 16h34

Conhecida da Lava-Jato, a Milano acaba de fechar um contrato de R$ 21 milhões com a Polícia Militar do Rio de Janeiro para o fornecimento de cestas básicas. O resultado do pregão foi publicado no Diário Oficial do estado desta segunda-feira.

A empresa pertence a Marco Antônio de Luca, um dos participantes do episódio que ficou conhecido como a “Farra dos Guardanapos” ao lado do ex-governador Sergio Cabral.

O empresário foi condenado a 32 anos de prisão por corrupção, lavagem de dinheiro e pertencimento a organização criminosa após ser alvo da Operação Ratatouille.

 

Continua após a publicidade

ATUALIZAÇÃO ÀS 10H05 DE 16/07/2020: A assessoria de imprensa da Comercial Milano procurou o Radar para dizer que “Marco Antônio de Luca nunca foi controlador e nem proprietário da empresa, e hoje exerce outras atividades profissionais totalmente à parte da Comercial Milano” e que o processo de concorrência “foi todo desenvolvido com lisura, obedecendo a critérios técnicos e ao edital de registro de preços”. 

Publicidade