Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Em depoimento, Palocci nega canastrice com frase de efeito

Ao seu estilo

Por Pedro Carvalho - 18 mar 2019, 18h30

Em depoimento à Justiça como testemunha em ação que investiga compra de caças suecos pelo governo brasileiro, Antonio Palocci pouco contribuiu.

O ex-ministro da Fazenda disse que houve pagamento de propina na compra de helicópteros e submarinos franceses em 2008, mas quanto ao caças afirmou que não tinha informações, já que à época estava fora do governo. 

“No meu contrato de colaboração não há nenhuma menção de que eu devo fazer peças teatrais ou frases de efeito, apenas que eu devo falar a verdade”, disse. Não deixa de ser uma frase de efeito.

Publicidade