Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputado que difamou Marielle abaixa a cabeça para família dela

Parlamentar que espalhou mentiras sobre a vereadora evitou cruzar o olhar com a irmã e a companheira da vítima

Por Gabriel Mascarenhas Atualizado em 22 mar 2018, 20h35 - Publicado em 22 mar 2018, 12h26

O deputado Alberto Fraga (DEM), aquele que foi gravado reclamando do valor da propina que receberia no Distrito Federal, voltou ao noticiário nacional recentemente, mais uma vez, como protagonista de um episódio desastroso.

Ele foi uma das autoridades que espalharam mentiras sobre Marielle Franco, a vereadora executada no Rio.

Hoje de manhã, a Câmara recebeu uma sessão solene em homenagem à parlamentar assassinada.Fraga, claro, não teve coragem de aparecer.

Ainda assim, ele cruzou com a irmã, Anielle, e a companheira de Marielle, Mônica, num corredor da Casa, antes da reunião.

Mesmo sem uma palavra, o encontro foi constrangedor. Ao vê-las, o deputado baixou a cabeça e apertou o passo, visivelmente envergonhado.

Continua após a publicidade

A irresponsabilidade de Fraga com símbolos da luta feminina nasceu antes da morte de Marielle.

Para quem não lembra, em 2015, ele disse “que mulher que participa da política e bate como homem, tem que apanhar como homem também”.

Depois, tentou consertar a frase histórica, mas, agora se sabe, não aprendeu nada com os erros.

(A assessoria do deputado entrou em contato para afirmar que ele não conhece a família de Marielle).

Continua após a publicidade

Publicidade