Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Pedro Carvalho. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputado delatado pela JBS propõe homenagem a ex-diretor da PF

Síndrome de Estocolmo?

Por Gabriel Mascarenhas - 10 nov 2017, 18h45

O deputado Ônyx Lorenzoni (DEM-RS) apresentou um requerimento para a Câmara conceder um voto de louvor ao agora ex-diretor-geral da Polícia Federal Leandro Daiello.

O parlamentar foi citado na delação da JBS e admitiu publicamente que recebeu dinheiro de caixa 2 da empresa de Joesley Batista.

Agora, mais difícil do que um suspeito jogar confetes em quem o investiga, será os colegas dele aprovarem uma homenagem a um dos algozes da banda podre da política, formada, em grande parte, por congressistas.

 

Publicidade