Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputado cobra fim de ‘agendas insanas’ de Bolsonaro

Filho de Zé Dirceu propôs representação criminal contra presidente da república

Por Manoel Schlindwein Atualizado em 1 mar 2021, 17h58 - Publicado em 2 mar 2021, 13h32

A coerência dos rolês de Jair Bolsonaro que aglomeram centenas de pessoas, muitas delas sem máscara, em plena pandemia foram parar na mesa do procurador-geral da república, Augusto Aras. Uma reclamação por crimes de responsabilidade e contra a saúde pública protocolada hoje pelo deputado federal Zeca Dirceu (PT/PR) cobra uma investigação da postura do presidente e, se for o caso, uma ação penal contra ele.

“Precisa ser penalizado de todas as formas, inclusive criminalmente. Fiz a denúncia também para evitar que ele prossiga com estas agendas insanas em outros estados”, comentou o deputado filho de Zé Dirceu.

Além de elencar diversas aparições públicas do presidente em meio à multidão, o parlamentar também cita as críticas que Bolsonaro fez ao isolamento social e ao uso de máscaras – na contramão das recomendações da OMS.

Publicidade