Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputada bolsonarista invade CPI e diz que Renan ameaçou Wajngarten

Durante a suspensão do depoimento do ex-chefe da Secom na CPI da Covid, Carla Zambelli se dirigiu até a mesa para reclamar do relator

Por Gustavo Maia Atualizado em 12 Maio 2021, 15h45 - Publicado em 12 Maio 2021, 12h10

Com a sessão da CPI da Covid-19 no Senado suspensa depois da enquadrada do presidente da comissão, Omar Aziz, no ex-chefe da Secom Fabio Wajngarten, a deputada bolsonarista Carla Zambelli se dirigiu agora há pouco até a mesa do plenário para acusar o relator, Renan Calheiros, de ameaçar e destratar o depoente.

Uma confusão se formou — com direito a aglomeração em plena pandemia — e Carla contou com o apoio do senador governista Marcos Rogério, que fez coro às queixas. Wajgarten assistia à cena acompanhado do advogado, que tentava conversar com Renan. O senador então questionou a deputada:

“A senhora é da CPI?”

Dirigindo-se a outros senadores da comissão, Zambelli argumentou que a deputada Jandira Feghali, da oposição, também participou de outras reuniões. O senador Rogério Carvalho, do PT, disse que ela poderia estar lá, mas não interferir, e ela perguntou se queriam expulsá-la. Em seguida, argumentou que não estava interferindo porque a sessão estava suspensa.

Continua após a publicidade
Publicidade