Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Depois dos fogos no STF, governador do DF exonera subcomandante da PM

O governador Ibaneis Rocha demitiu o subcomandante-geral da Polícia Militar do Distrito Federal, coronel Sérgio Luiz Ferreira de Souza

Por Robson Bonin Atualizado em 14 jun 2020, 16h29 - Publicado em 14 jun 2020, 16h28

A postura supostamente leniente do militar, diante do ataque com fogos de artifício de bolsonaristas contra o STF foi a causa da demissão.

Um grupo de manifestantes lançou fogos de artifício em direção ao prédio do Supremo fim da noite deste sábado.

O protesto ocorreu no mesmo dia em que o governo distrital desmontou um acampamento de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro.

“Houve diversas tentativas de negociação para a desocupação da área, mas, infelizmente, não houve acordo. Os acampamentos foram desmontados sem confronto”, informou a Secretaria de Proteção da Ordem Urbanística do Distrito Federal, explicando que os manifestantes ocupavam área pública na Esplanada dos Ministérios, o que não é permitido, com um acampamento irregular.

Continua após a publicidade
Publicidade