Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Cunha provoca Dilma

Audacioso, Eduardo Cunha resolveu provocar o governo, que caminha para retirar a complicada Funasa das mãos do PMDB. Via twitter, Cunha mandou ver: – Defendo apuração rigorosa, doa a quem doer, de qualquer denúncia. Seja Funasa, seja Erenice, seja Cardeal, seja qualquer outra de qualquer lugar. Não é uma provocação qualquer. Erenice Guerra, era a […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 13h07 - Publicado em 18 jan 2011, 13h19

Audacioso, Eduardo Cunha resolveu provocar o governo, que caminha para retirar a complicada Funasa das mãos do PMDB. Via twitter, Cunha mandou ver:

– Defendo apuração rigorosa, doa a quem doer, de qualquer denúncia. Seja Funasa, seja Erenice, seja Cardeal, seja qualquer outra de qualquer lugar.

Não é uma provocação qualquer. Erenice Guerra, era a braço-direito de Dilma Rousseff em seus tempos de ministra da Casa Civil. Valter Cardeal, diretor da Eletrobras, sempre foi o braço-direito de Dilma no setor elétrico.

Continua após a publicidade
Publicidade