Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Com a crise, brasileiro compra em menos parcelas no e-commerce

Em meio à crise, o consumidor tem preferido pagar as compras à vista – pelo menos no comércio eletrônico. O número de compras com pagamento no ato chegou a 58,56% do total de pedidos do e-commerce no primeiro trimestre de 2016, contra 43,80% um ano antes. Os dados são da MundiPagg, que processa transações on-line, […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 23h01 - Publicado em 13 abr 2016, 12h30
E-commerce: brasileiro paga mais à vista

E-commerce: brasileiro paga mais à vista

Em meio à crise, o consumidor tem preferido pagar as compras à vista – pelo menos no comércio eletrônico.

O número de compras com pagamento no ato chegou a 58,56% do total de pedidos do e-commerce no primeiro trimestre de 2016, contra 43,80% um ano antes.

Os dados são da MundiPagg, que processa transações on-line, e considera apenas as aquisições feitas com cartão de crédito.

As compras de duas a seis parcelas saíram de 42,4% para 33,1% do total, enquanto aquelas de sete a doze vezes despencaram de 13,8% para 8,3%.

O movimento reflete tanto os juros mais altos, quanto uma concentração em compras com menor tíquete médio: o valor médio por compra à vista foi de 87 reais no período. Na faixa de duas a seis parcelas, foi de 304 reais, e de sete a doze vezes, de 703 de reais.

Continua após a publicidade
Publicidade