Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Ceará assina contrato para usina de dessalinização de R$ 500 milhões

Projeto fornecerá água para Fortaleza e região metropolitana

Por Lucas Vettorazzo Atualizado em 19 jul 2021, 20h10 - Publicado em 20 jul 2021, 08h30

A Ceagece, a companhia de água e esgoto do Ceará, assina nesta terça-feira, 20, o contrato de execução da obra da maior usina de dessalinização do Brasil.

A fase de estudos e licenciamento levará 18 meses. A partir dai poderão ter início as obras físicas, previstas para durarem dois anos.

O projeto tem custo estimado de 500 milhões de reais. Será a maior parceria público-privada já firmada no estado. O objetivo é diversificar as fontes de água potável da capital e região metropolitana.

A usina transforma a água do mar em água doce. Atualmente, as principais capitais do país vivem risco de crise hídrica no médio prazo. Israel é um dos países que utiliza a tecnologia de dessalinização da água do mar.

O contrato de 30 anos, que envolve a construção e operação da nova usina, será assinado nesta terça entre a Ceagece e a Águas de Fortaleza, consórcio formado pelas empresas Marquise Infraestrutura, Abengoa Água e PB Construções. Ao todo, a expectativa é que 700 mil pessoas sejam abastecidas com a água que será produzida quando o projeto estiver em pleno funcionamento.

Continua após a publicidade
Publicidade