Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Candidato de Bolsonaro ao Senado guarda 400 000 reais embaixo do colchão

Arolde de Oliveira acumula patrimônio de 6,6 milhões de reais

Por Gabriel Mascarenhas - 1 Oct 2018, 06h29

Arolde Oliveira, do PSD, compõe a chapa dos Bolsonaro para o Senado no Rio. Trata-se de um afortunado.

Deputado federal, ele declarou ao TSE 6,6 milhões de reais em patrimônio, sendo 400 000 em dinheiro vivo.

Deve ser uma questão de hábito da excelência. Em 2010, ele já mantinha uma grana embaixo do colchão – mas não tanto.

Naquele ano, quando concorreu à Câmara, Oliveira informou à Justiça Eleitoral que possuía 150 000 reais, 238 000 reais em “cash“.

Continua após a publicidade

A coragem do aliado de Bolsonaro chama a atenção.

Quem tem bala na agulha para guardar quase meio milhão de reais em espécie, normalmente, evita fazê-lo por medo, seja da Polícia Federal ou de ladrões.

Publicidade