Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Calero diz que Doria é ‘versão 2.0 do rouba, mas faz’

Ex-ministro da Cultura condena apoio de Doria a Temer

Por Ernesto Neves Atualizado em 26 jun 2017, 19h16 - Publicado em 26 jun 2017, 16h41

Ex-ministro da Cultura e ex-membro do PSDB, Marcelo Calero condenou o apoio que João Doria dá ao governo de Michel Temer. Calero escreveu em seu Twitter que o prefeito de São Paulo encarna nova versão de velhas práticas de governo.

“Doria prometeu encarnar o novo. Mas parece cada vez mais adaptado às práticas da velha política: versão 2.0 do “rouba mas faz”, disse.

Em novembro de 2016, Calero grampeou Temer e o então Secretário de Governo, Geddel Vieira Lima.

Calero acusou os dois de fazerem pressão pela liberação de um prédio em Salvador, contrariando uma decisão do o Instituto do do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Geddel tinha comprado um apartamento no edifício.


reprodução/Reprodução
  • Continua após a publicidade
    Publicidade