Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Cade investiga participação de mais quatro executivos no cartel do cimento

O Cade abriu um novo processo para investigar a participação de mais quatro executivos no “cartel do cimento”, que já condenou seis empresas do setor no país e resultou em multa de 3 bilhões de reais – a maior já aplicada pelo órgão em um só processo. Serão investigados João Ghira, Fernando da Costa Procópio e […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 22h49 - Publicado em 5 Maio 2016, 18h49
Cade: investigações continuam

Cade: investigações continuam

O Cade abriu um novo processo para investigar a participação de mais quatro executivos no “cartel do cimento”, que já condenou seis empresas do setor no país e resultou em multa de 3 bilhões de reais – a maior já aplicada pelo órgão em um só processo.

Serão investigados João Ghira, Fernando da Costa Procópio e José Abel de Oliveira, que atuaram na Cimpor, além de Carlos Garrocho, que trabalhou por 32 anos na Holcim.

Segundo o Cade, há evidências que indicam que os executivos “atuavam de forma comissiva no intuito de melhor estruturar o cartel em questão, participando assim de reuniões no âmbito da ABCP, onde foram tratados assuntos de natureza anticompetitiva, e estabelecendo uma corriqueira troca de e-mails entre eles e entre demais representantes de associações de classe e empresas concorrentes, onde eram abordados diversos assuntos de interesse do cartel, que claramente vão contra o ordenamento antitruste pátrio”.

Continua após a publicidade
Publicidade