Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

EXCLUSIVO: Braskem volta a ser negociada na bolsa de Nova York

Companhia entregou na tarde desta quinta o formulário 20-F de 2018 à SEC -- Securities and Exchange Commission

Por Robson Bonin - Atualizado em 17 Oct 2019, 19h52 - Publicado em 17 Oct 2019, 19h48

A Braskem voltará a ser negociada na Bolsa de Nova York. A companhia entregou na tarde de quinta o formulário 20-F de 2018 à SEC — Securities and Exchange Commission, o órgão regulador do mercado de capitais americano — e regularizou sua situação na bolsa americana.

O formulário 20-F é um documento que as companhias estrangeiras com títulos negociados nas bolsas americanas têm de fornecer às autoridades reguladoras dos EUA.

A petroquímica brasileira havia atrasado a entrega dos formulários referentes aos anos de 2017 e de 2018 pois precisou realizar procedimentos e análises adicionais sobre os seus processos e controles internos.

Por causa desse atraso, a Bolsa de Nova York a havia deslistado em maio, ou seja, a havia retirado do pregão. Apesar dessa deslistagem, ela continuava a ser negociada no mercado de balcão.

Continua após a publicidade

No começo do mês, a Braskem entregou o relatório referente a 2017. Agora, com a entrega do de 2018, voltará ao pregão da bolsa americana.

Publicidade