Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Pandemia leva brasileiro a planejar férias em destinos nacionais

Gramado, Rio de Janeiro e Campos do Jordão lideram preferências, aponta pesquisa; descontrole na pandemia levou países a fecharem as portas a brasileiros

Por Manoel Schlindwein - Atualizado em 16 jul 2020, 12h19 - Publicado em 16 jul 2020, 09h30

A pandemia pode ter frustrado os planos de viagem de muitos brasileiros, mas isso não quer dizer que a escolha dos próximos destinos foi descartada. Uma pesquisa revelou que Gramado (RS), Rio de Janeiro (RJ), Campos do Jordão (SP), Monte Verde (MG) e Porto de Galinhas (PE) lideram as preferências das próximas férias entre os brasileiros.

O número de destinos nacionais ocupou 83% da lista de preferenciais dos brasileiros entre maio e junho deste ano, ante 68% no ano passado. O aumento mostra que o público está mais interessado em conhecer o próprio país – muito mais do que a média global, que é de 51%. Lisboa, Paris e Buenos Aires figuram entre os destinos internacionais preferidos pelos brasileiros.

ASSINE VEJA

Vacina contra a Covid-19: falta pouco Leia nesta edição: os voluntários brasileiros na linha de frente da corrida pelo imunizante e o discurso negacionista de Bolsonaro após a contaminação
Clique e Assine

As propriedades mais citadas entre as preferidas no Brasil estão o resort Wyndham Gramado Termas Resort & Spa (Gramado), a Pousada Xalés de Maracaípe (Porto de Galinhas) e o Hotel Golden Park Campos (Campos do Jordão).

“Criar uma wish list na Booking.com é uma forma de inspiração para que todos voltem a sonhar com suas próximas viagens, e estamos comprometidos em fazer com que tornar este sonho realidade seja mais fácil, assim que estivermos no tempo certo para isso”, explica Arjan Dijk, da Booking.com.

Continua após a publicidade

A pesquisa usou como base as listas de desejo dos 16 milhões de clientes do site Booking.com entre maio e junho deste ano na comparação com o mesmo período do ano passado.

Publicidade