Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Bolsonaro foi convencido por Olavo a não ir a Nova York

Captei, amado guru

Por Mauricio Lima Atualizado em 10 Maio 2019, 11h47 - Publicado em 10 Maio 2019, 07h27

Foi Olavo de Carvalho quem convenceu o presidente a não ir a Nova York depois das confusões armadas pelo prefeito democrata Bill de Blasio.

Paulo Guedes, por sinal, se ofereceu para representar o presidente na cerimônia em NY. Bolsonaro não quis.

Aliás, o Museu de História Natural de Nova York barrou Bolsonaro, mas vai receber João Doria com pompa. No dia 15, ele será o “guest speaker” de um jantar oferecido pelos maiores produtores mundiais de álcool e açúcar.

Atualização:

A assessoria de Paulo Guedes afirma que o ministro também cancelou a viagem após a desistência de Bolsonaro.

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade