Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bolsonaro aciona MEC contra vestibular exclusivo para trans

Presidente cobrou providências do ministro ao ser informado sobre processo em curso na Unilab

Ao descobrir nesta manhã, pela imprensa, que a Universidade da Integração da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab) lançou um vestibular voltado para pessoas transgêneras e intersexuais, Jair Bolsonaro mandou acionar o ministro da Educação, Abraham Weintraub, para apurar o caso e tomar as devidas providências.

Trata-se do primeiro processo seletivo na graduação específico para transexuais. Outras universidades já haviam estabelecido cotas para esse público, mas dentro de seus processos seletivos habituais. O tema deve ser a nova cruzada de Bolsonaro na área de costumes. O presidente não perde oportunidades de demonstrar sua contrariedade ao tema.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. antonio santos

    Pelo jeito Sr. colunista, defende que sejam efetuados processos seletivos para negros. mulatos, amarelos, índios etc… E o mérito que se exploda!

    Curtir