Esporte

Banco do Brasil não vai mais patrocinar o handebol brasileiro

O Banco do Brasil comunicou hoje à Confederação Brasileira de Handebol que não irá renovar o contrato de patrocínio às seleções masculina e feminina da modalidade, que vencerá no próximo dia 30/05. O patrocínio vigorou desde 2013 e atualmente estava em 15,5 milhões de reais por dois anos.

O BB mantém seu contrato de patrocínio ao vôlei e irá ampliar neste ano o seu circuito de corridas de rua, que passará a contar com 16 etapas, o dobro de 2017.

VEJA.com.br

Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Assine para ter acesso livre às reportagens, vídeos e colunistas do site e da revista VEJA.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Você ainda não tem acesso a esta marca. Clique no botão da oferta abaixo para assinar

Digital

R$ 9 ,90 /mês

R$ 29,90 a partir do quarto mês

Acesso ilimitado ao site, com reportagens da revista e conteúdo exclusivo online + app com a edição digital para celular e tablet.

Assine agora Conheça mais opções de assinatura