Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Aos olhos da cúpula petista, o problema de Alckmin é Alckmin

Palpite de adversário

Por Da Redação - 4 set 2018, 07h31

O alto comando do PT comemora como um gol cada pesquisa em que Geraldo Alckmin aparece distante do segundo turno.

Claro, enxerga-se em Fernando Haddad mais chances de bater Jair Bolsonaro do que o candidato tucano.

Os analistas do partido de Lula torcem para Alckmin permanecer como se encontra, ou seja, um protagonista insosso de uma campanha de qualidade.

É isso: na avaliação dos petistas, o problema do adversário não está em sua equipe, mas no produto que ela vende.

Continua após a publicidade

A cúpula do PT avalia que Alckmin passou quatro anos convicto de que entraria no páreo deste ano como favoritíssimo, sem perceber o grave impacto eleitoral do derretimento da imagem do PSDB e, principalmente, sem modernizar o discurso.

Publicidade