Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

O plano da Ambev para alavancar a ‘educação cervejeira’ em universidades

Dona de marcas como Skol e Brahma quer investir na formação de engenheiros químicos

Por Laísa Dall'Agnol Atualizado em 14 out 2021, 15h06 - Publicado em 15 out 2021, 16h30

A Ambev — dona de marcas como Skol e Brahma — quer investir no ensino superior no Brasil. A ideia é fomentar a chamada ‘educação cervejeira’ entre universitários.

A partir desta sexta, a gigante do setor de bebidas vai começar a distribuir, de forma gratuita, uma coletânea sobre os fundamentos da cerveja para todos os cursos de Engenharia Química reconhecidos pelo MEC. Segundo a empresa, o curso é o que mais forma cervejeiros na companhia atualmente.

Cada universidade receberá um voucher para retirada da tetralogia ‘Brewing Elements’, que pode ser resgatado até 31 de outubro. A iniciativa é realizada em parceria com a Editora Krater.

A ideia da Ambev de fomentar a educação cervejeira começou a decolar em dezembro de 2020, quando foi inaugurada a Academia da Cerveja — ambiente de ensino que já formou 4 000 alunos em cursos gratuitos e à distância.

Continua após a publicidade

Publicidade