Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Alto comando da Marinha quer romper contrato realizado pela gestão Dilma

Contrato sem licitação

Por Pedro Carvalho 10 Maio 2019, 14h03

O comando da Marinha quer rescindir um contrato firmado em 2013, ainda no primeiro mandato de Dilma com a empresa Zetrasoft, que tem sido renovado por aditivos desde então. Realizado sem licitação, no chamado regime de comodato, o valor do serviço está restrito à entidade.

O antigo gestor do contrato, almirante Samy Moustapha, deixou a Marinha para assumir uma diretoria da própria Zetrasoft, já no governo Temer.

Publicidade