Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Aliado de campanha de Witzel pode virar número dois da Saúde no Rio

Governador demitiu, nesta segunda-feira, o então titular da pasta, Gabriell Neves

Por Mariana Muniz Atualizado em 21 abr 2020, 10h37 - Publicado em 21 abr 2020, 09h09

Iran Aguiar é o nome mais cotado para assumir o cargo de subsecretário executivo de Saúde do Rio de Janeiro – responsável, entre outras coisas, pelos contratos emergenciais realizados durante a pandemia do coronavírus.

Servidor de carreira do BNDES, Aguiar é ligado ao secretário de Saúde do estado, Edmar Ferreira, e participou da campanha de Witzel em 2018.

A troca na subsecretaria-executiva acontece depois que o governador demitiu, nesta segunda-feira, o então titular da pasta, Gabriell Neves. A exoneração aconteceu após quase um mês de idas e vindas envolvendo a suspeita de irregularidades em contratos sem licitação durante a crise.

ASSINE VEJA

Covid-19: Sem Mandetta, Bolsonaro faz mudança de risco nos planos A perigosa nova direção do governo no combate ao coronavírus, as lições dos recuperados e o corrida por testes. Leia na edição desta semana.
Clique e Assine

Se for nomeado, Iran Aguiar terá pela frente a missão de dar transparência às contratações feitas pelo estado – e tentar dar menos essa dor de cabeça para Witzel. O Rio de Janeiro tem 4899 casos confirmados de coronavírus, segundo último balanço do governo.

Continua após a publicidade
Publicidade