Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ala militar do Planalto também rejeita candidato de Flávio na PGR

Como o Radar revelou no começo do mês, os generais palacianos têm outro nome para o cargo

Com o anúncio do novo PGR marcado para esta terça-feira, a ala militar do Planalto – general Ramos na dianteira – se move para tentar evitar que Jair Bolsonaro indique o procurador Antônio Carlos Simões Soares para a chefia da PGR. Defendido por Flávio Bolsonaro, Simões Soares foi apontado, por emissários do Planalto, como o nome escolhido pelo presidente, como o Radar revelou na noite de domingo.

Os militares foram pegos de surpresa pelo novo rumo do processo. Como o Radar revelou no começo do mês, os generais palacianos têm outro nome para o cargo, o do ex-procurador-geral do Ministério Público Militar Marcelo Weitzel.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Ademir Castro

    Agora quero ver quem é que manda neste terreiro!

    Curtir