Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Ainda de olho na ‘saída TSE’, PSDB quer afastar Cunha

Embora apoie o impeachment, o PSDB ainda aposta na ação para cassar a chapa Dilma-Temer na Justiça Eleitoral. Para que essa via — que levaria à realização de nova eleição — prospere, no entanto, os tucanos estão convencidos de que Eduardo Cunha tem de deixar a presidência da Câmara já. Cabe ao presidente da Câmara assumir, em caso de vacância da Presidência, e convocar […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 23h53 - Publicado em 12 dez 2015, 06h01
Sai daí, Cunha

Sai daí, Cunha

Embora apoie o impeachment, o PSDB ainda aposta na ação para cassar a chapa Dilma-Temer na Justiça Eleitoral. Para que essa via — que levaria à realização de nova eleição — prospere, no entanto, os tucanos estão convencidos de que Eduardo Cunha tem de deixar a presidência da Câmara já.

Cabe ao presidente da Câmara assumir, em caso de vacância da Presidência, e convocar nova eleição em até 90 dias. “Ninguém em sã consciência vai cassar a presidente e o vice e dar o poder a Cunha”, resume um tucano.

O PSDB vai aumentar a crítica às arbitrariedades do peemedebista para pressionar o Ministério Público e o Supremo Tribunal Federal a afastá-lo.

Continua após a publicidade
Publicidade