Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

AGU demite procurador que ganhava R$ 26 mil sem trabalhar

Denúncia foi feita pelo Radar em 2018

A Advocacia-Geral da União demitiu na última quarta (17) o procurador Sandro Alex de Souza Simões por abandono de cargo.

Com salário de R$ 26 mil, Simões morava há três anos em Lisboa com licença remunerada.

O caso foi revelado pelo Radar em abril de 2018. Na época, o procurador estava em busca de emprego na capital portuguesa. Ele dizia estar licenciado para estudos em Portugal.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s