Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

À la Bolsonaro, Crivella bate em jornal e manda indireta para Witzel

Prefeito do Rio grava vídeo para explicar polêmico discurso divulgado pelo jornal O Globo

Por Ernesto Neves - Atualizado em 20 Mar 2019, 15h24 - Publicado em 20 Mar 2019, 15h01

O prefeito Marcelo Crivella gravou um vídeo (veja abaixo) para rebater as críticas que recebeu por um discurso dado a 80 servidores na última terça (19).

Na conversa revelada pelo jornal O Globo, Crivella diz que o “Rio é uma esculhambação completa” e que os PMs sobem o morro para pegar propina, que chamou de “troco da cocaína”.

“Gostaria de me dirigir agora aos militares da Polícia Militar do Rio de Janeiro, do soldado mais moderno até o seu comandante. Hoje, o jornal decadente, O Globo, fez uma matéria desairosa completamente descontextualizada. Mas eu não preciso dizer para vocês quem é este jornal. Vocês já foram diversas vezes difamados, injuriados, caluniados, como eu também”, diz o prefeito.

“Não aceito, de maneira nenhuma, que um jornal, em plena decadência, venha colocar em dúvida o respeito que tenho por esta corporação”, afirma em outro trecho.

Continua após a publicidade

“Não sou eu que preciso dizer a vocês o que é essa imprensa, sobretudo O Globo, na cidade do Rio de Janeiro, e os interesses que defendem”, prossegue.

O vídeo se encerra com uma fala do Major Vital, membro da PM que trabalha com Crivella.

Crivella foi fortemente criticado por membros das forças de segurança e o governador do Rio, Wilson Witzel.

Witzel chegou, inclusive, a gravar uma mensagem em apoio à PM (veja aqui).

Continua após a publicidade

Veja abaixo o vídeo completo:

Publicidade