Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

A estreia do chanceler no Congresso

O ministro das Relações Exteriores, Carlos Alberto França, foi convidado para falar em comissão na Câmara nesta quarta-feira

Por Gustavo Maia Atualizado em 28 abr 2021, 09h38 - Publicado em 28 abr 2021, 09h23

No cargo há quase um mês, o ministro das Relações Exteriores, Carlos Alberto França, faz daqui a pouco sua estreia como chanceler no Congresso. O chefe do Itamaraty foi convidado para falar sobre as prioridades do ministério para 2021 na Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional da Câmara, comandada pelo deputado Aécio Neves.

A reunião com França está marcada para 10h e foi convocada a partir de requerimento do próprio presidente do colegiado. Segundo o convite, o chanceler vai tratar também de “outros temas atuais da política externa brasileira”.

Foi justamente uma ida ao Congresso, que marcou o fim da gestão do antecessor de França, Ernesto Araújo. No dia 24 do mês passado, o olavista conseguiu a proeza de ser unanimidade negativa durante sessão temática no Senado. Cinco dias depois, foi demitido. O clima para o lado de França no Parlamento, claro, é bem mais acolhedor.

Publicidade