Clique e assine com até 92% de desconto
Radar Econômico Por Machado da Costa Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças.

Fundo de Abu Dhabi cobra projetos do governo federal

Mubadala possui 230 bilhões de dólares sob gestão e quer aportar fundos no Brasil

Por Machado da Costa Atualizado em 1 out 2020, 13h32 - Publicado em 1 out 2020, 11h00

Nesta quarta-feira, uma comitiva do Mubadala, um fundo de investimentos de Abu Dhabi, que possui mais de 230 bilhões de dólares sob gestão, fez uma visita ao Ministério da Economia. Cobrou — em tom diplomático, claro — da equipe econômica mais agilidade para colocar de pé projetos de infraestrutura. Eles possuem um especial apreço pelas refinarias que a Petrobras tenta vender — as quais serão alvo de discussão no STF nesta quinta-feira, 1º. Quem esteve na reunião garante que os árabes estão ávidos por investir no Brasil. “Eles estão de olho nas refinarias, no agronegócio e também nas privatizações. Nós falamos que pode sair algo aqui, algo ali, mas eles cobram a gente porque não está surgindo nada na verdade”, diz uma das pessoas que integrou a comitiva dos árabes no Brasil.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade