Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças

Educação: empresas de tecnologia não chegam ao setor público

Mapa das edtechs mostra que só 13% têm algum tipo de negócio com o setor público

Por Josette Goulart 14 abr 2021, 11h06

As startups da área de educação, conhecidas como edtechs, chegam ainda muito timidamente com seus produtos ao setor público. No ano passado, só 13% das de 566 edtechs do país tiveram algum tipo de negociação com o setor. Os dados fazem parte do Mapeamento de Edtechs 2020, realizado pela Abstartups e pelo Centro de Inovação para a Educação Brasileira (CIEB). O estudo mostra que a dificuldade do relacionamento se deve à pouca familiaridade dos gestores públicos com tecnologias educacionais, falta de conectividade nas escolas, falta de programas de formação continuada para professores e a complexidade e morosidade das compras públicas.

Publicidade