Clique e assine a partir de 8,90/mês
Radar Econômico Por Machado da Costa Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças.

Carlos da Costa diz a Guedes que deixará Ministério

Secretário anunciou em reunião que irá para o Banco Interamericano de Desenvolvimento

Por Machado da Costa - Atualizado em 17 set 2020, 10h00 - Publicado em 17 set 2020, 09h44

Após o cartão vermelho para o secretário da Fazenda, Waldery Rodrigues, e a manutenção dele no cargo articulada por Paulo Guedes, ministro da Economia, foi convocada uma reunião de toda a cúpula da pasta para discutir as pautas e as estratégias a serem seguidas. A reunião que se iniciou às 19h de quarta-feira, 16, durou 5 horas — lavaram roupa suja até meia-noite.

Pois o que já era um rumor fortíssimo dentro do Ministério acabou se confirmando nessa discussão. Carlos da Costa, secretário de Produtividade, Emprego e Competitividade, anunciou que está de saída do Ministério. Vai para o Banco Interamericano de Desenvolvimento. A data da despedida não está definida ainda. Será a nona baixa no primeiro escalão da equipe econômica.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Publicidade