Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

“Aqui não tem Posto Ipiranga”, diz liderança do PT sobre equipe de Lula

Segundo dirigente petista, ainda é muito cedo para qualquer tipo de definição de nomes para o Ministério da Fazenda

Por Victor Irajá Atualizado em 6 jul 2021, 13h36 - Publicado em 6 jul 2021, 12h21

Quando indagada sobre os nomes para a direção da gestão da economia em um eventual governo Luiz Inácio Lula da Silva, uma alta liderança do partido refuta algum tipo de definição — sem deixar de fazer troça com o atual governo. “Aqui não tem Posto Ipiranga, aqui não precisa de Paulo Guedes”. Segundo esse dirigente, o partido organiza, apenas, discussões por meio dos chamados Núcleos de Ação de Políticas Públicas, que reúnem nomes para discutir a política econômica.

LEIA TAMBÉM: Lula venceria Bolsonaro no segundo turno por 58% a 25%, diz Ipsos

Segundo ele, ainda é muito cedo para qualquer tipo de definição. “O PT trabalha com os resultados. Ainda está longe da eleição”, afirma. Indagado sobre a possibilidade de atração do economista Marcos Lisboa, o petista afirma que os rumores não têm sustentação em fatos. Diz que, apesar de ter colaborado com a gestão de Antonio Palocci durante o governo Lula, Lisboa e o PT não têm “sinergia de ideias”. Em entrevista a VEJA, Lisboa refutou a possibilidade de assumir um cargo no governo.

Publicidade