Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

Após recorde histórico, aumento de custos ameaça ritmo da construção civil

Benx Incorporadora estima vendas de 1,7 bilhão neste ano, mas já vislumbra preços mais altos no próximo ano

Por Josette Goulart 27 Maio 2021, 12h05

A Benx Incorporadora bateu todos os seus recordes de vendas, no ano passado, e estima que vai bater novos recordes neste ano quando deve fechar vendas de 1,7 bilhão de reais em lançamentos de imóveis residenciais e de escritórios. Mas o diretor da empresa, Luciano Amaral, diz que está muito preocupado com a variação brusca de preços de materiais da construção civil como aço, cobre, PVC e alumínio. Nos três primeiros meses, a variação do preço de alguns insumos chegou a 30% e a empresa já está revendo planilhas e prevê aumento de preços no próximo ano. “Para este ano estamos bem posicionados, mas já estudamos reformular produtos e notamos que alguns terrenos se tornam inviáveis”, diz Amaral. “Novas aquisições só se viabilizam com preço novo”.  Amaral diz que o ritmo da construção civil também poderá ser afetado e diz que já afetou a faixa econômica, como imóveis da Casa Verde Amarela que tem limites de preço. 

Publicidade