Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

Abilio Diniz retoma doações de cestas básicas em meio a piora da pandemia

Península Participações, empresa de investimentos do empresário, vai dar doar 1 milhão de reais em cestas básicas

Por Machado da Costa 4 mar 2021, 09h56

A Península Participações, de Abilio Diniz, retomou as doações para enfrentar um problema que não está recebendo as devidas atenções em meio ao hospitalar do coronavírus. Vai doar 1 milhão de reais para o UniãoSP, entidade que distribui cestas básicas para comunidades carentes no Estado. O valor se soma aos 4 milhões de reais que a empresa doou em 2020 à iniciativa. A Península e o União SP estão batendo na porta de empresas e da sociedade civil para retomada de doações. O objetivo é a distribuição de 100 mil cestas básicas para famílias em situação de vulnerabilidade no estado de São Paulo.

Geyze Diniz, economista e esposa de Abilio, e Ana Maria Diniz, filha dele e presidente do Conselho do Instituto Península, estão capitaneando o projeto. A reaceleração das doações toma como base pesquisa do Instituto Locomotiva, em parceria com a Data Favela e a CUFA que entrevistou 2 mil moradores de 76 favelas brasileiras agora em fevereiro. Cerca de 7 em cada 10 (68%) pessoas que vivem nestas favelas afirmam que a pandemia fez piorar a sua alimentação.

Mais da pesquisa: a média de refeições diárias é de menos de duas (1,9) e 68% afirmam que, nos últimos 15 dias, em ao menos um faltou dinheiro para comprar comida. “A situação em 2021 é mais grave que a de 2020. Não há mais o auxílio emergencial. E quebraram muitos negócios nas comunidades mais necessitadas”, afirma Ana Maria Diniz.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Continua após a publicidade
Publicidade