Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

A maior petrolífera do mundo aumenta os lucros em 30%

Saudi Aramco lucrou com a alta dos preços do petróleo no mercado internacional

Por Josette Goulart 4 Maio 2021, 08h41

A Saudi Aramco, a maior petrolífera do mundo, lucrou 30% mais neste primeiro trimestre do ano. Foram 21,1 bilhões de dólares, muito acima do que esperavam os analistas que estivam algo em torno de 17,7 bilhões de dólares. O resultado da petrolífera da Arábia Saudita foi efeito direto da recuperação dos preços do petróleo no mercado internacional. Com a queda das cotações, no ano passado, a petrolífera tinha visto seu lucro cair pela metade. Só no último trimestre tinha sido uma queda de 25%. No Brasil, o balanço da Petrobras será divulgado dia 13 de maio e a expectativa é que a empresa volte ao lucro também por conta das altas do preço do petróleo, que levou a empresa a fazer uma série de reajustes nos preços dos combustíveis. No ano passado, a estatal teve um prejuízo de 49,5 bilhões de reais, no primeiro trimestre. 

Publicidade