Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Paraná Por VEJA Correspondentes Política, negócios, urbanismo e outros temas e personagens paranaenses. Por Guilherme Voitch, de Curitiba

Preso, diretor do DER era homem de confiança de Richa

Nelson Leal Júnior foi secretário do tucano na prefeitura e desde 2013 era o homem forte do Departamento de Estradas de Rodagem

Por Guilherme Voitch - Atualizado em 22 fev 2018, 09h45 - Publicado em 22 fev 2018, 09h31

A prisão do diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem no Paraná (DER-PR), Nelson Leal Júnior, é uma bomba atômica contra o governador Beto Richa (PSDB). Leal é homem de confiança de Richa. Foi secretário de Obras do tucano na prefeitura de Curitiba e, desde 2013, era o chefe do DER, responsável pelo contato com as empreiteiras nas obras tocadas pelo estado e pelas negociações com as concessionárias de pedágio.

O DER é subordinado à Secretaria de Infraestrutura e Logística (SEIL), comandada por José Richa Filho, irmão de Beto, que é candidato a deputado federal. No fim do ano passado, houve pressão de parte de alguns deputados da base para afastar Leal, mas ele foi mantido pelo governador. A Operação da PF vem no momento em que Richa assumia sua candidatura ao Senado para aliados.

 

Publicidade